Sindicato acerta nos ajustes e mantém investimentos e atendimento para a categoria

Conforme divulgação realizada anualmente, o Sindicato apresenta nesta edição do Informativo A Vez e a Voz a sua Prestação de Contas 2019, como forma de mostrar à categoria com transparência as despesas e investimentos da entidade no exercício de 2019. Cabe destacar inicialmente que desde 2017, a entidade vem realizando ajustes para manter-se como ferramenta de representação ativa e eficaz aos metalúrgicos da base de Canoas e Nova Santa Rita, esforço que propiciou o encerramento do exercício com equilíbrio nas contas.

 

1

 

Estrutura de atendimento aos associados: nossa sede social

 

Nos últimos dois anos (2017/2018), a entidade trabalhou com déficit (despesas superiores a arrecadação) no fechamento das suas contas. Para que ocorresse o equilíbrio em 2019, houve significativa redução em despesas nos setores administrativo, serviços gerais, da diretoria e comunicação, o que não significou queda na qualidade do atendimento presencial aos associados na sede ou nos canais de diálogo entre o Sindicato e a categoria.

 

Na sede, todos os serviços administrativos foram mantidos, apesar de necessário ajuste no quadro de funcionários. O espaço físico também se manteve e os atendimentos para homologação e acerto de mensalidade, assim como qualquer auxílio junto aos diretores, continuam disponíveis para todos os trabalhadores da base.

 

2

 

Assistência aos associados foi mantida de forma integral

 

No que diz respeito aos benefícios e à assistência prevista aos associados/as, o Sindicato não mediu esforços para manter a qualidade, principalmente nas áreas mais procuradas – assistência médica, assistência odontológica, assistência à saúde do trabalhador, assistência jurídica e comunicação-, destacando-se o departamento médico/odontológico que tiveram mantidos os dias e o número de atendimentos, sem qualquer redução dos serviços prestados aos associados.

 

 

Comunicação: novas ferramentas e plataformas (aperfeiçoamento permanente)

 

Com um canal de whatsapp ativo para repassar informações e esclarecer dúvidas, o Sindicato passou a estar mais próximo da categoria, otimizando a prestação de auxílio aos trabalhadores. Hoje, já são mais de mil metalúrgicos em contato direto com a entidade, via listas de transmissão, além das demais plataformas de comunicação (Facebook e Instagram). Os jornais também são enviados pelos canais, além da distribuição impressa nas fábricas, e o acesso a informações e notícias está mais constante para a categoria.

 

3

 

Veraneio garantido na Colônia de Férias

 

Mais uma vez, a constante manutenção na Colônia de Férias da categoria garantiu o veraneio dos trabalhadores na temporada 2018/2019. O amplo investimento em 2016, que incluiu pintura, renovação dos utensílios dos apartamentos, melhorias na área do camping e, principalmente, a adequação do ambiente às normas do PPCI, foi determinante para que em 2019, a necessidade de manutenção tenha gerado gastos menores. Como exemplo, a aquisição de colchões novos a alguns apartamentos e pequenos ajustes na estrutura foram suficientes para garantir o pleno funcionamento do ambiente.

 

Segundo levantamento do Sindicato, na última temporada de veraneio ocorreu a locação de 350 apartamentos durante as 10 semanas de alta temporada. “Isso comprova a relevância dos espaços de lazer, que são disponibilizados aos associados e seus dependentes com taxas acessíveis e estrutura de qualidade”, analisa Flávio Souza, tesoureiro da entidade.

 

4

 

Se você acha que o Sindicato pode mais, venha conosco!

 

Associado/a tem papel importante no quilíbrio das contas da entidade, conforme os resultados obtidos na Prestação de Contas do exercício de 2019. Com o fim do Imposto Sindical em 2017, a partir da Reforma Trabalhista, o orçamento do Sindicato sofreu significativa redução. No entanto, com a ajuda de trabalhadores/as conscientes do verdadeiro papel do Sindicato junto à categoria, foi possível reorganizar a casa e garantir o auxílio devido aos metalúrgicos de toda a base.

 

Ainda que o Sindicato conte com a Taxa Negocial, prevista na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) e destinada ao custeio das negociações coletivas, a mensalidade dos associados é a verdadeira representação da solidariedade junto à classe trabalhadora, pois garante a permanência de assistência social, ainda que básica, principalmente aos trabalhadores/as da categoria de empresas menores, sem benefícios e/ou auxílios além dos ganhos salariais. “O Sindicato é apenas uma ferramenta, um espaço de convergência dos trabalhadores, que devem tomar consciência da necessidade de solidariedade uns com os outros. Somente assim a luta é efetiva e traz resultados concretos.”, reforça Paulo Chitolina, presidente do STIMMMEC.

 

Confira o Demonstrativo de Receitas e Despesas Exercício 2019

 

JORNAL 382_page-0002

 

Fonte: STIMMMEC

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Visit Us On FacebookVisit Us On Youtube