Saiba as principais regras da Colônia de Férias, aprovadas em Assembleia

INSCRIÇÕES: As inscrições serão feitas numa única data 8 de dezembro, sexta-feira, a partir das 6 horas da manhã para todas as 11 semanas do veraneio.

 

O atendimento é por ordem de chegada e, na ocasião, dirigentes e funcionários do sindicato auxiliarão no processo de escolha da semana e do apartamento desejado pelo/a associado/a, que deve trazer a carteirinha de associado e documento oficial com foto de todos os dependentes e acompanhantes (Identidade ou Certidão de Nascimento). Se quiser efetivar no mesmo dia a inscrição, deve trazer também o último contracheque de pagamento do mês anterior para que o pessoal da Tesouraria possa efetuar os cálculos e receber o pagamento da taxa de inscrição respectiva.

 

Se o (a) associado (a) quiser deixar para acertar posteriormente, ele próprio ou um dependente pode fazê-lo em até 10 dias anteriores à semana escolhida. Se deixar passar o prazo, corre o risco de perder a inscrição para outro (a) associado (a) interessado (a), que aguardava vaga numa lista de espera.

 

CUSTOS: O (a) trabalhador(a) associado(a) pagará 10% sobre seu salário-base, limitado ao teto de R$ 3.000,00 para a locação de apartamentos, ou 5% para a locação do camping. Os sócios solidários pagam valor fixo de R$ 300,00. Os aposentados pagam a porcentagem respectiva de locação sobre seus salários de aposentadoria, mínimo de R$ 128,00 e limitado ao teto de R$ 300,00.

 

ATENÇÃO I: O piso da categoria é o limite mínimo de pagamento para locação de apartamentos ou espaço no camping. Ou seja, nenhum sócio da ativa, inclusive aposentados, estagiários e cotistas, pagará menos que 10% do piso da categoria (atualmente, R$ 128,00) para apartamento ou 5% para o camping.

 

ATENÇÃO II: Fora da temporada de veraneio, o(a) trabalhador(a) associado(a) pagará a metade do valor pago para a temporada, ou seja, apenas 5% do salário base, no limite de R$ 10,00 por família, por dia. Quando um(a) associado(a) quiser levar nesse período um(a) não-associado(a), este(a) paga individualmente R$ 15,00 por dia.

 

ACOMPANHANTES: A Colônia de Férias deve ser utiliza­da exclusivamente pelos sócios e dependentes. Porém, o sócio poderá levar – respeitando a capacidade de estadia do apartamento – mais de um acompanhante não-depen­dente na semana.

 

No entanto, seguindo a norma antiga, apenas um deles estará isento do pagamento da estadia. Todos os demais acompanhantes, maiores de 12 anos de idade, deverão pagar taxa relativa a 5% do salário-base do as­sociado.

 

Com exceção de um dos acompanhantes não-depen­dentes, todos os demais precisarão comprovar, no mo­mento da inscrição, o vínculo de parentesco de 1° grau com o associado.

 

Todos os acompanhantes não-dependentes, caso utilizem os ônibus locados pelo sindicato, deverão pagar normalmente passagem. Crianças de até 7 anos de idade não pagam passagem.

 

DIÁRIA: Será cobrada diária mesmo que o sócio ou de­pendente passe somente um dia na Colônia de Férias.

 

TRANSPORTE: Os ônibus sairão todas as segundas-fei­ras, às 8 horas da manhã. Posteriormente, estes mesmos ônibus transportarão de volta os usuários da semana an­terior.

 

O retorno dos ônibus da Colônia virão direta­mente no sindicato. O primeiro ônibus fará o itinerário Boqueirão / Esperança / Principal Guajuviras / Estrada do Nazário / Santos Ferreira. Caso haja um segundo ônibus, o trajeto será Centro de Esteio / Sapucaia, pela Presiden­te Vargas até a estação Sapucaia.

 

ATENÇÃO: O DAER exige até a quinta-feira anterior ao dia da viagem a lista com a identificação de todos os passageiros. No caso de fiscalização, qualquer alteração pode acarretar multas para a empresa de ônibus e pontos na carteira de habilitação dos motoristas. Por isso, não é possível incluir passageiros de última hora, mesmo que tenha lugar sobrando nos ônibus.

 

Portanto, a entidade pede que os associados e de­pendentes que solicitarem lugar no ônibus e, por algum motivo, desistirem de utilizá-lo, avisem até a quarta-feira antes da viagem. Caso contrário, será cobrado o va­lor da passagem.  Lembramos que os acompanhantes não-dependen­tes, com idade acima dos 7 anos, pagam passagem nor­mal. O valor é de R$ 34,00 ida e volta.

 

SEGURANÇA: Por uma questão de segurança, toda e qualquer pessoa que quiser ter acesso à colônia deverá identificar-se na zeladoria e portar a pulseira que o identi­fica como usuário, fornecida no ingresso.

 

O trânsito de pessoas desconhecidas ou suspeitas deve ser comunicado ao guarda ou ao zelador. É bom lembrar que o sindicato não se responsabiliza por even­tuais casos de furtos dentro da Colônia. Portanto, todo o cuidado é pouco e muito necessário.

 

O trânsito de automóveis deve se limitar até a área de estacionamento e a velocidade dos veículos deve ser a mínima possível devido à movimentação de crianças no local.

 

As motocicletas não podem transitar dentro da Colô­nia de Férias e têm estacionamento especial junto à en­trada do pátio.

 

O Sindicato lembra que a voltagem da Colônia de Férias é 220 Volts.

 

LIMPEZA: Os sócios e dependentes serão responsáveis pela limpeza e conservação das instalações, inclusive de banheiros, cozinha, lavanderia e corredores.

 

Os banheiros externos são de uso dos usuários do camping. Os demais usuários devem usar o banheiro ex­clusivo de seus apartamentos.

 

O lixo deverá ser ensacado e colocado no depósito próximo ao portão principal da Colônia de Férias.

 

Não será permitida a presença de quaisquer tipos de animais de estimação nas dependências da CF.

 

No final da estadia, às 9 horas da manhã, os usuários deverão entregar as peças limpas, em condições de uso por outras pessoas. Os responsáveis pela zeladoria e ad­ministração da CF estão orientados a revisar a higiene dos apartamentos no final da estadia.

 

ZELADORIA: A zeladoria faz o serviço de consertos e manutenção, por isso qualquer problema com relação à estrutura deve ser comunicado imediatamente aos zela­dores Ubiratan Quintana e Josiana Lucas Quintana.

 

Porém, é bom lembrar que o cuidado para evitar ala­gamentos, entupimentos e consumos desnecessários de água e luz é imprescindível, uma responsabilidade de to­dos.

 

UTENSÍLIOS: Embora o sindicato ofereça alguns utensí­lios básicos, os usuários deverão trazer de casa seus pra­tos, talheres, travesseiros, roupas de cama, materiais de limpeza, de higiene e de uso pessoal, eletrodomésticos, entre outros utensílios.

 

CAMPING: Será cobrada diária dos proprietários sócios que deixarem barracas montadas sem ocupá-las. A me­dida foi tomada para possibilitar mais espaço e melhores acomodações para os demais usuários do camping.

 

Não é permitido os usuários do camping amarrarem suas barracas nas telas que cercam a Colônia de Férias. Antes de instalar barracas, os acompanhantes devem consultar o zelador sobre os locais disponíveis.

 

Os associados e dependentes sempre terão a prefe­rência nos espaços do camping.

 

ESTACIONAMENTO: O estacionamento foi remodelado para permitir o uso mais racional daquele espaço. Mesmo assim, ele pode não comportar todos os veículos durante as semanas da temporada.

 

Por isso, ficou decidido que o uso do estacionamento é prioritário para os associados e dependentes hospeda­dos na semana. Visitantes estacionam na rua lateral.

 

 

 

4

 

5

 

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Visit Us On FacebookVisit Us On Youtube