Mangels: assembleia esclarece situação de periculosidade

No dia 28 de março, o Sindicato esteve em frente à Mangels, metalúrgica de Canoas, para esclarecer trabalhadores e trabalhadoras sobre o andamento dos processos de periculosidade. Na ocasião, os dirigentes também realizaram a entrega dos brindes para os associados e abordaram a importância da sindicalização na categoria.

 

 

Entrega de brindes ocorre em todas as fábricas da base / Foto: Matheus Leandro / STIMMMEC

 

 

Movidos pelo Sindicato, os dois processos que reivindicam o pagamento de adicional periculosidade aos trabalhadores(as) da fábrica se encontram em fase de finalização/execução. No acordo, além da empresa ser obrigada a pagar o adicional a vencer, ocorrerá o pagamento de cinco anos retroativos à data de início da ação e também do tempo em trânsito do julgamento. Para os que foram admitidos com menor tempo, receberão conforme o período trabalhado.

Assembleia de conscientização ocorreu na porta da fábrica / Foto: Matheus Leandro / STIMMMEC

 

No entanto, as ações não incluem novos funcionários, admitidos em data posterior ao início do processo. Neste contexto, o Sindicato esclareceu a possibilidade de dar início em uma nova ação, que busque o direito do adicional aos novos. Também, esclareceu as tratativas que vem tendo com a sede da Mangels em Minas Gerais, com o objetivo alcançar um entendimento do grupo sem a necessidade de ações na justiça.

 

 

Fonte: STIMMMEC

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Visit Us On FacebookVisit Us On Youtube