Dia de Luta pela Soberania Nacional terá atos em Canoas e Porto Alegre nesta terça

Nesta terça-feira (3), data que a Petrobras completa 64 anos, acontece o Dia de Luta pela Soberania Nacional. No Rio Grande do Sul, será realizado um ato em defesa da Petrobras, às 7h30, em frente à Refinaria Alberto Pasqualini, em Canoas. No final da tarde, às 17h30, a Esquina Democrática será palco para a aula pública “Estatais e soberania nacional”.

21768226_1434557679972697_1272108049651448260_n

“A CUT estará nas ruas de todo o Brasil, defendendo a soberania nacional e denunciando o grande assalto do governo Temer aos nossos recursos e riquezas naturais”, afirma o presidente da CUT-RS, Claudir Nespolo, ao explicar que a mobilização é uma resposta ao pacote de privatizações anunciado por Michel Temer, que inclui parte da Petrobras, todo o sistema Eletrobrás, inúmeras hidroelétricas e até mesmo a Casa da Moeda e o BNDES, entre outras.

 

Para o dirigente da CUT-RS, Temer está fazendo a alegria das corporações brasileiras e internacionais que patrocinaram o golpe. “Uma nação soberana não entrega suas reservas estratégicas e suas empresas públicas”, salienta.

 

“Por isso, vamos às ruas defender a nossa soberania e denunciar os golpistas que querem entregar o Brasil para o capital privado”, garante Nespolo. que destaca ainda que esta data será “mais uma etapa muito importante da nossa resistência ao desmonte do Brasil”.

 

O Dia de Luta pela Soberania Nacional acontecerá em todo o país e é uma iniciativa da CUT, junto com o Movimento de Atingidos por Barragem (MAB) e as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo.

 

Fonte: CUT-RS

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Visit Us On FacebookVisit Us On Youtube