Atos em todo o pais marcam o Dia de Luto e de Luta em Defesa da Vida e do Emprego

A CUT e centrais sindicais, de forma unitária, realizaram nesta sexta-feira, 7 de agosto, o Dia Nacional de Luta pela Vida e Emprego em todo o Brasil. Os trabalhadores lembraram os quase 100 mil mortos na pandemia do coronavírus, que também já infectou quase 3 milhões de brasileiros e brasileiras.

 

“Vamos denunciar a política genocida do governo Bolsonaro, que não investe em testagem e não combate a pandemia com eficácia. Já está mais do que provado de que não é uma ‘gripezinha’. Por isso, temos que chamar a atenção da sociedade de que a saída é o afastamento do presidente, que é o principal responsável por essa tragédia e já cometeu dezenas de crimes de responsabilidade”, afirma o presidente da CUT-RS, Amarildo Cenci.

 

No Rio Grande do Sul aconteceram atos em Caxias do Sul, no Vale dos Sinos, Erechim, Rio Grande, entre outras cidades. Em Porto Alegre foram soltos balões pretos, em luto pelas quase 100 mil mortes na pandemia do coronavírus, aos gritos de “Fora Bolsonaro”.

 

Fonte: CUT-RS com CUT Brasil

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Visit Us On FacebookVisit Us On Youtube