13º salário deve injetar mais de R$ 211 bi na economia do país

Até o mês de dezembro, o pagamento do 13º salário deve injetar na economia brasileira mais de R$ 211,2 bilhões. Cerca de 84,5 milhões de brasileiros, do mercado formal, inclusive os empregados(as) domésticos(as), os beneficiários da Previdência Social e aposentados e beneficiários de pensão da União e dos estados e municípios, serão beneficiados com rendimento adicional, em média, de R$ 2.320. A estimativa é do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

 
Do montante de trabalhadores(as) aptos a receber o benefício, 48,7 milhões, ou 57,6% do total, atuam no mercado formal. Para o cálculo, o Departamento não leva em conta trabalhadores autônomos, assalariados sem carteira ou trabalhadores com outras formas de inserção no mercado de trabalho.

 
Ameaçado em propostas das eleições deste ano, o 13º salário permite que trabalhadores(as) quitem dívidas e consumam diferentes tipos de produtos e serviços, além de ser um dinamizador do comércio e da economia em geral.

Texto: Rita Garrido – STIMMMEC

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Visit Us On FacebookVisit Us On Youtube